Continua após a publicidade..

O iPhone 14 não terá mais um slot para o cartão SIM.

Existe um custo adicional a ser considerado além do preço de etiqueta de $799 para o iPhone 14, especialmente para aqueles que planejam viajar internacionalmente.

Ao apresentar os novos recursos da linha iPhone 14 na quarta-feira, a Apple incluiu uma mudança que pode passar despercebida: nos Estados Unidos, os novos telefones não terão mais bandejas físicas para cartões SIM. A partir de agora, será necessário depender exclusivamente do eSIM, que é integrado à placa-mãe do telefone e não pode ser removido fisicamente.

Isso provavelmente passa despercebido pela maioria dos americanos em sua rotina diária, mas os que viajam para fora do país vão notar imediatamente esse novo problema. Adquirir um cartão SIM local no local de destino costumava ser a maneira mais simples de evitar as taxas de roaming irritantes, mas isso não é mais viável com o iPhone 14.

Continua após a publicidade..

É viável adquirir um eSim estrangeiro, porém nem todas as operadoras em todos os países oferecem esse serviço. Se você sair dos Estados Unidos com um iPhone 14, é provável que fique impossibilitado de evitar custos de roaming.

  • A Apple revela os lançamentos do iPhone 14 e do iPhone 14 Plus.
  • O iPhone 14 Pro não possui mais o entalhe.
  • A Apple lança o AirPods Pro 2, que se assemelha bastante aos modelos anteriores.
  • O foco principal do Apple Watch Series 8 é proteger o usuário de situações perigosas que podem colocar sua vida em risco.
  • Apple Watch Ultra é lançado especialmente para os apaixonados por atividades ao ar livre e de alta intensidade.

Possivelmente essa é uma alternativa para tornar os novos iPhones mais finos e ousados, porém para alguns consumidores, pode representar um novo problema, até mais preocupante do que a remoção da entrada para fones de ouvido.

Relacionado:   A proteção de vidro de gorila no Galaxy S24 Ultra não é apenas uma estratégia de marketing, mas traz vantagens práticas e reais.

Tópicos relacionados à empresa Apple e ao smartphone iPhone.

Continua após a publicidade..